domingo, 12 de abril de 2020

Em 2020, quantos cadáveres serão necessários para saciar o desejo de morte do genocida?


Em 2020, quantos cadáveres serão necessários
para saciar o desejo de morte do genocida?



Genocida em 1999.

Jair Bolsonaro: “Matando uns 30 mil. Se vai morrer inocente, tudo bem. Tudo quanto é guerra morre inocente.”


Uma vez genocida, sempre genocida.

Genocida e a pandemia do Covid-19



 Genocida em 2020.

Jair Bolsonaro: “Vão morrer alguns do vírus? Sim, vão morrer. Vai acontecer, lamento.”

Nenhuma medida de isolamento social (como defende o genocida)

Num período de 250 dias após o primeiro caso, 187 milhões de brasileiros seriam infectados, dos quais 6,2 milhões seriam internados e 1,5 milhão iriam para a UTI. Destes, a maioria morreria: 1.152.283, segundo a projeção de dados do estudo realizado pelo Imperial College, de Londres.

Nova meta do genocida: 1.000.000 de cadáveres ou mais?


Em 2020, quantos cadáveres serão necessários
para saciar o desejo de morte do genocida?

Insaciável.


Conclusão: Siga a Ciência. Proteja a vida e a saúde de quem você ama: #FiqueEmCasa

Siga a Ciência. Senão você dança



*****


#ForaCoronaMiliciano
#EleiçõesGeraisJá



Colabore com o Blog do Agenor Bevilacqua Sobrinho



*****


Leia também:

Dois neurônios de Trump entraram em colapso


Siga a Ciência. Senão você dança


Afaste-se da Clorah e Kinna, as bonecas assassinas


Objetivando lucros fabulosos e sem compromisso com a saúde pública, curandeiros e outros charlatães prescrevem drogas sem aval da comunidade científica


Os meios de comunicação em sociedades ditatoriais e em democráticas




*****


Conheça também:







Tel.: (11) 3492-3797



Nenhum comentário:

Postar um comentário