segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Brasil é o triste país em que o óbvio deve ser dito


Brasil é o triste país em que o óbvio deve ser dito

Não espere que o predador aja diferente.

1. Quando você se sentir um rematado idiota, lembre-se de que Luciana Genro (PSOL-RS) fervorosamente defendeu a Lava jato, operação engendrada pelo império estadunidense para entregar a preço de banana e/ou graciosamente as riquezas brasileiras às multinacionais do Tio Sam.

2. A “justiça” burguesa protege seus prepostos. Quando a elite percebe que mesmo pelas regras da limitada democracia liberal não conseguirá vitória pela via eleitoral, os golpes de Estado (convencionais ou por vias híbridas) atalham caminhos negados pela soberania popular. Portanto, aos agentes do assalto contra a democracia são dadas salvaguardas ilimitadas (excludente de ilicitude da necropolítica) para a retomada de controle total por parte dos setores reacionários.

3. A incompatibilidade entre o neoliberalismo e a democracia é tão flagrante e eloquente que é impossível a implementação das medidas draconianas do primeiro sem que haja a destruição incessante da segunda.

4. As religiões neopentecostais dão suporte à barbárie capitalista. Em retribuição, seus donos/administradores recebem prebendas cada vez mais vultosas para realizar o serviço sujo de lavagem cerebral dos incautos fiéis, alimentados diariamente com o discurso do ódio (anticristão).

5. Prestidigitadores “progressistas” agitam constantemente baboseiras envernizadas para iludir desavisados e garantir o cachê generoso dos patrões no sentido de manter as grandes massas distanciadas de opções concretas de deter e reverter a destruição de direitos políticos, econômicos, sociais etc.


6. É imprescindível compreender que parte considerável da população é fascista. E isso significa reconhecer que práticas de intolerância, tortura e assassinatos contam com o beneplácito e entusiasmo de “cristãos fakes” e “cidadãos de bem”.

7. Setores hegemônicos (financeiros e industriais) não têm restrições em cometer crimes (legais ou ilegais).

8. Quem nutre confiança nas ”boas intenções” de capitalistas milicianos pede para ser enganado, destroçado e destruído.

9. Os caminhos são árduos e exigem reconhecer a real característica dos inimigos das classes trabalhadoras.

10. A realidade não se transforma por mágica, mas por trabalho incessante que acumule forças e possa mudar o placar imposto pelo golpe de Estado e demais armadilhas que aprisionam as classes oprimidas.  

 

 

Confira também:

 

Para fazer justiça, TRF-4 deve anular totalmente a sentença absurda e antijurídica da dupla sérgio moro-gabriela hardt

 

AI-5, a ameaça constante da canalha fascista

 

Quando a verdade é jogada na cara de Mark Zuckerberg

 

Aliança pelo Brasil. #SQN

 

Angela Davis fala como é ser jovem e negra em uma sociedade machista. #DiaDaConsciênciaNegra

 

Golpe de Estado no Brasil e na Bolívia - a diferença está nos jovens soldados e na reação popular de bolivianos

 

A "juíza" que copia moro e suas sentenças injurídicas

 

Dicionário do Blog do Agenor Bevilacqua Sobrinho – Parte 1

 

Dicionário do Blog do Agenor Bevilacqua Sobrinho – Parte 2



*****


#LulaLivre
#EleiçõesGeraisJá



Colabore com o Blog do Agenor Bevilacqua Sobrinho


*****

Conheça também:








Tel.: (011) 3492-3797




Nenhum comentário:

Postar um comentário