segunda-feira, 30 de julho de 2018

PCC (Primeiro Comando do Capital) e PIG (Partido da Imprensa Golpista) definem apoio a Alckmin



PCC (Primeiro Comando do Capital) e
PIG (Partido da Imprensa Golpista) definem apoio a Alckmin
  Golpe dos patrões:
Turma da bufunda está com Alckmin, o candidato do golpe.

Em reunião do PCC (Primeiro Comando do Capital) com o PIG (Partido da Imprensa Golpista) — realizada na mansão do Dr. Toicinho, CEO do PIG desde 1939 — foram acertadas as estratégias para a campanha eleitoral de 2018.
Também conhecido como “o Mercado”, o Dr. Cifrão, chefe do PCC (Primeiro Comando do Capital), fez breve relato contextualizando os recentes momentos históricos.
Dr. Cifrão: Nossos passos foram cronometrados e acordados com o Supremo, com tudo. Aí desconsideramos a Constituição do Brasil, que nos desagradava, e instauramos as nossas regras. O PCC (Primeiro Comando do Capital) está seguro e apoia integralmente Alckmin, pois este não mudará a reforma trabalhista que obtivemos com Temer. Afinal, não demos um golpe de Estado para jogar fora nossas conquistas contra essa ralé fétida.
Aplausos dos convivas.
Dr. Cifrão: Apesar de o Congresso de Medicina Política afirmar categoricamente o diagnóstico de “metástase avançada” do governo Temer, nossas publicações continuaram atestando por longo período a saúde perfeita desse governo que tantas alegrias proporcionou a nós, ricos. Agora, a necessidade obriga a nos desvincularmos do traste, por inservível, e partirmos para desancá-lo como se não tivéssemos nenhuma ligação visceral e de DNA com a figura. Para que não fiquemos com a fama de mal-agradecidos, depois a gente arruma uma embaixada para proteger e garantir a impunidade do sujeito via concessão de posto diplomático.
Participantes da reunião: “Isso mesmo!”
Dr. Cifrão: Com a adesão do Centrão, a turma de nosso querido Eduardo Cunha, vamos sacramentar e arrematar o golpe de 2016.
Participantes da reunião: “Muito bem!”
Dr. Toicinho pede um aparte.
Dr. Toicinho: Assim é que se fala! Vamos manter na marra a concentração de renda, a precarização de direitos trabalhistas e sociais, o entreguismo desvairado e o monopólio da comunicação. Caso a plebe insista em conquistar a democracia, nosso judiciário e nossa polícia descerão o cassetete para proteger os interesses de quem importa.
Estou confiante na indigência e partidarização do judiciário para que não haja investigações de desvios de recursos públicos em SP e outras praças administradas pelo PCC (Primeiro Comando do Capital).
Ademais, ordenei a meus vassalos e aos meus especialistas sob encomenda para intensificar a produção de fake news contra o candidato dos trabalhadores, preventivamente sequestrado em Curitiba para não ganhar as eleições. Não vamos correr o risco da quinta derrota consecutiva. Afinal, representamos o cidadão do bem. Só o golpe nos salva. Anauê!
Todos: Anauê!
Dr. Toicinho: Com Alckmin, teremos a privatização do SUS e de tudo o que quisermos. Mas divulgaremos em nossos veículos de propaganda que isso é “excelente para os pobres”. Os manifestoches acreditam em qualquer coisa, até que o acordo da corda com o pescoço é "saudável".
Todos os presentes gargalham estridentemente.
Dr. Toicinho: Em nossa parceria com PCC (Primeiro Comando do Capital), preparamos "novas" falácias e armadilhas em nossas publicações piguianas para continuar a confundir e a enganar os pobres. Porém, sabemos tratar-se das mesmas mentiras de sempre, reembaladas.
Participantes da reunião: “Essa é a tradição!”
Dr. Toicinho: Precisamos manter de qualquer maneira a capitania de São Paulo.
Dr. Cifrão: Exato! Nossa sociedade PIG e PCC (Primeiro Comando do Capital) vem de longa data. E sempre estivemos afinados com a tradição golpista. Antes era a saudosa UDN. Mas tivemos que mudar de nome para o povo não se dar conta. ARENA, PDS, PFL. Hoje, PSDB e Centrão.
Dr. Toicinho: Manifestoches, fanatizados pela nossa globo e pelo nosso moro, apoiaram e instituíram o nosso governo Temer e seus quarenta Temers. E o que é melhor, com o slogan “Abaixo a corrupção!”
Gargalhadas estrepitosas.
Dr. Cifrão: Desse modo, pudemos entregar o patrimônio do povo brasileiro de mãos beijadas aos irmãos do Norte. Além do mais, Alckmin, nosso candidato do golpe de 2016, demonstrou quem manda no roda morta da tv tucana e em todas as outras emissoras e revistas piguianas. Nenhuma interrupção, conforme determinação conjunta com o Dr. Toicinho.
Dr. Toicinho: Exatamente, Alckmin se alia ao Centrão para mantermos os escravos na caverna. Ademais, a meritocracia é algo natural. E ensina o caminho da riqueza instantânea: “Só não é rico quem não quiser.”
Por um tempo, nutrimos e nos servimos do caricato e incivilizado, mas agora o jogo é para valer.
Dr. Cifrão: Qualquer problema, já sabe. Ligue no celular do PCC (Primeiro Comando do Capital).
Todos: Anauê!


Confira:

Confira também:

Os livros da Editora Cia. Fagulha podem ser adquiridos diretamente pelo site da editora ( www.ciafagulha.com.br ) ou na Livraria Augôsto/Augusta (Rua Augusta, 2161 - São Paulo-SP)





Nenhum comentário:

Postar um comentário