quinta-feira, 22 de março de 2018

Perguntas e constatações sobre um retumbante fracasso: a intervenção militar no Rio de Janeiro


Perguntas e constatações sobre um retumbante fracasso:

a intervenção militar no Rio de Janeiro

Autoadmiração
1. Qual é o custo da intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro?
2. A violência foi reduzida com a intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro?
3. Os preços do pão, do sapato, do aluguel e do remédio ficaram mais acessíveis aos pobres com a intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro?
4. Morador (ou sequestrado?) ficou 36 horas detido após "falha" do Exército na intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro.
5. Helicoca e outros meios de transporte de grandes quantidades de drogas não são incomodados pela intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro.
6. Grandes traficantes moram em condomínios de luxo, em bairros elegantes da alta burguesia. Não estão nos morros cariocas e não terão seus interesses prejudicados pela intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro.
7. Pobres (inclusive crianças) são humilhados e ofendidos com abordagens desnecessárias da intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro.
8. Construção pesada, indústria naval e milhões de empregos aniquilados pela Lava jato. Para distrair os patos, sapos, manifestoches e mané-festantes, a intervenção militar ordenada pelo ilegítimo no Rio de Janeiro.




Confira:


LANÇAMENTO de Dramaturgia Comparada Estados Unidos / Brasil. Três estudos — no Heleny Guariba, 17/03/2018, das 15h às 18h30. Por Maria Sílvia Betti

 

'Pagpag', a comida 'reciclada' do lixo que é vendida aos pobres nas Filipinas












Confira também:

Os livros da Editora Cia. Fagulha podem ser adquiridos diretamente pelo site da editora ( www.ciafagulha.com.br ) ou na Livraria Augôsto/Augusta (Rua Augusta, 2161 - São Paulo-SP)







Nenhum comentário:

Postar um comentário