sábado, 2 de setembro de 2017

Não é possível ser amigo de pessoas que apoiam direta ou indiretamente o estupro


Não é possível ser amigo de pessoas que apoiam
direta ou indiretamente o estupro


“Ela não merece [ser estuprada] porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria. Eu não sou estuprador, mas, se fosse, não iria estuprar, porque não merece."
Deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), em entrevista ao jornal Zero Hora em 2014.

 

Ninguém pode fazer apologia ao estupro.

Repetiremos um milhão de vezes, se necessário:

Apologia ao estupro é crime.

Ex-colega de trabalho queixa-se a mim e indaga porque não poderíamos mais manter o relacionamento amistoso da época em que lecionamos na mesma instituição de ensino.
Quando ela passou a compartilhar nas redes sociais postagens protofascistas e de Bolsonaro, totalmente fascistas, confesso que me assustei. Não com Bolsonaro, cujos serviços prestados à regressão são inúmeros e de longa data, mas com a adesão de alguém que imaginara ponderada.
Afinal, a referida pessoa aparentara ser alguém reservada e pouco afeita a fazer comentários de ordem política.
Na medida em que suas ideias não eram expostas, não existia conflito entre nós, já que as conversas eram sobre trivialidades da rotina da atividade profissional, das condições climáticas e outras da mesma espécie.
Entretanto, tais rompimentos de relações também atingiram alguns daqueles que considerávamos amigos. Com dor no coração, nos aturdimos ao verificar que daquela pessoa amigável e gentil pudesse brotar um empedernido coxinha, com o repertório típico do patOtário alimentado pela máquina de ódio da mídia oligopolizada e do partidarismo de instituições do Estado, que se apropriaram do aparato repressivo deste para perseguir desafetos e adversários políticos que não conseguiam vencer nas urnas.
Entendo ser importante saber os motivos reais que produziram a distância abissal entre quem desfrutara de proximidade e hoje está a anos-luz.
Peço que sejam coerentes e não liguem e nem procurem contato, cuja razão de ser não existe mais.
Pois apoiar quem faz apologia ao estupro, direta ou indiretamente, é se identificar com posições reacionárias, violentas e agressivas, e, o que é pior, como candidato potencial a estuprador.



Confira:

 

Justiça Burguesa apresenta: Sessão Comédia 6 – A fantástica prosperidade de privilegiados. Kkkkkkkkkkkkkkk!

 

Exclusivo – Vaza memorando confidencial do Dr. Matusalém Toicinho: Delação sem provas só vale contra petistas

 

Delação só vale contra petistas

 

Fatos põem sob suspeita toda a operação Lava jato. Por Wadih Damous.

 

Justiça Burguesa apresenta: Sessão Comédia 5 – É proibido falar/escrever/pensar Helicoca, com ou sem #. Kkkkkkkkkkkkkkk!

 

Justiça Burguesa apresenta: Sessão Comédia 45 – Delação/Powerpoint no dos outros é refresco. Kkkkkkkkkkkkkkk!



Confira também:








Nenhum comentário:

Postar um comentário