sábado, 8 de abril de 2017

Tucano acelera atividades da fábrica de demolição da cultura



Tucano acelera atividades da fábrica de demolição da cultura

PSDB:

Cultura? Não importa!

Demolir é o que importa!

 

A Casa

Era uma casa
Muito engraçada
Não tinha CAJUV
Não tinha nada
Ninguém podia
Entrar nela, não
Porque na casa
Não tinha CAV

Ninguém podia
Estudar teatro
Porque na casa
Não tinha CLAC
Ninguém podia
Fazer malabarismo
Porque o cadastramento
Inventaram ali


Não adianta
Requerimento
Porque na casa
Não tem conversa
Ninguém podia
Fazer PMC
Porque o autoritarismo
Impera ali
 
Mas era feita
Com muito esmero
Na Rua dos Tolos
Número Zero




* CAJUV - Coordenadoria de Ações para Juventude de São Bernardo do Campo

** CAV – Centro de Audiovisual de São Bernardo do Campo

*** CLAC – Centro Livre de Artes Cênicas de São Bernardo do Campo

**** PMCPlano Municipal de Cultura de São Bernardo do Campo

Atualizado em 09/04/2017

Fonte: A partir de A Casa, de Vinicius de Moraes



 Grande Ato em Defesa da Cultura

12/04/2017, 17h

Em frente ao CAJUV

Av. Redenção, 271 - Jardim do Mar - SBC

A(corda)!
Não espere a fábrica de demolição da cultura terminar o serviço.




Confira:

Entrevista de Marta Harnecker sobre a conjuntura latino-americana. Por Tassos Tsakiroglou

 

'José Mayer não errou. Ele cometeu um crime', diz Marcha das Mulheres. Por Sarah Fernandes

 

Uma carta aos judeus que riram da fala racista de Bolsonaro. Por Roberto Tardelli

 

Dória, o Berlusconi da Lava Jato? Por Jeferson Miola


O corpo fala, Sérgio Moro




Confira também:






Nenhum comentário:

Postar um comentário