sábado, 26 de abril de 2014

Congresso Extraordinário do PIG - Partido da Imprensa Golpista


Congresso Extraordinário do PIG
Partido da Imprensa Golpista


Golpistas profissionais em Congresso Extraordinário do PIG


Dr. Matusalém Toicinho, CEO do PIG de 1500 a 1938, e Dr. Toicinho, CEO do PIG desde 1939, sempre envolvidos em Golpes de Estado, clamaram pela urgência de um Congresso Extraordinário do PIG – Partido da Imprensa Golpista, logo após a reunião reservada do PCC – Primeiro Comando do Capital.

Constatando que a quarta derrota consecutiva de demotucanos à presidência é irreversível e os governos estaduais de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná etc. também estão periclitando, os oligarcas resolveram radicalizar em suas conhecidas táticas de demonizar os outros e santificar demotucanos a qualquer preço.

As estratégias do Exército Piguiano serão discutidas para fazer frente ao quadro de derrotas que se avizinha de maneira concreta em 2014.

Entre os portadores de Crachás Piguianos Certificados, não se escondia o desalento, apesar da retórica cada vez mais inflamada e violenta dos soldados PIG Azevedo, PIG Constantino, PIG Gullar, PIG Lobão, PIG Leitão, PIG Merval, PIG Pondé, PIG Sardenberg, PIG Waack etc.

Aproveitando-se da inexistência de uma Lei de meios de comunicação, os patéticos militantes piguianos batem recordes de manipulação em suas publicações escritas, nas rádios e televisões (todas de propriedade de meia dúzia de famílias oligárquicas).

Contando ademais com os préstimos favoráveis de integrantes dos poderes judiciários, legislativos e executivos em várias partes do país, os líderes, Dr. Matusalém Toicinho e Dr. Toicinho, esperam pelo menos manter o Estado de São Paulo, com volume morto, Privataria Tucanatrensalão e uma série de atos “nobres” dos parceiros de empreitadas.


Confira também:

#SABESP distribuirá água insegura?
#VolumeMorto #Câncer #PSDB
#CUIDADO!

As perguntas que não são feitas nas pesquisas eleitorais. Por Wanderley Guilherme dos Santos

Dr. Toicinho afirma que “se é do PSDB, tá liberado!”

Senador Álvaro Dias (PSDB) e o doleiro Alberto Youssef

Quando tucanos se reúnem, os interesses nacionais estão em risco

Medidas antipopulares de Aécio Neves, candidato do PSDB

#WikiLeaks PSDB quer privatizar a Petrobras e entregá-la aos Estados Unidos. Petrobras é do Brasil! #PSDBnuncamais

Justiça Bicuda 45 - Trensalão liberado!

Celular do PCC- Primeiro Comando do Capital

EXCLUSIVO - #DrToicinho: "PCC - Primeiro Comando do Capital preenche fichas de filiação ao #PSDB desde a fundação tucana."

Mercenários

Datafolha foi para a oficina de estatística, mas não passou no recall #DefeitoDeFabricação #Incorrigível

Datafolha tem alguma credibilidade?

O Datafolha e os humoristas

Código Fonte do Datafalha é desvendado

O coração e o cérebro da corrupção.


Conheça como funciona a Yuan-Mind:

A Guerra de Yuan narra a história de um intrigante personagem do futuro e de um sombrio mundo de autômatos fortemente moldados e cerceados pelos meios de comunicação, cuja função massificadora é claramente ligada à concentração de um poder central nas mãos da Yuan-Mind,  empresa que controla as engrenagens do mecanismo totalizante e esmagador de Yuan.
 

#SABESP distribuirá água insegura? #VolumeMorto #Câncer #PSDB #CUIDADO!


#SABESP distribuirá água insegura?
#VolumeMorto #Câncer #PSDB
#CUIDADO!

Tratamento inadequado do volume morto traz riscos; entenda

55

Fabiana Maranhão e Wellington Ramalhoso
Do UOL, em São Paulo


Cuidado com o "volume morto"!

Alternativa para amenizar a crise no abastecimento de água que atinge o Estado de São Paulo, o volume morto traz riscos à saúde dos consumidores caso não seja tratado de forma adequada, de acordo com especialistas ouvidos pelo UOL.

O volume morto é a água que fica no fundo das represas, abaixo do nível de captação das comportas e que acumula sujeira, sedimentos e até metais pesados. A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) informa que o tratamento será o mesmo usado atualmente, "dentro dos rígidos padrões de qualidade seguidos pela Sabesp".
A Sabesp pretende retirar a partir do dia 15 de maio 200 bilhões de litros de água do volume morto do Sistema Cantareira, que tem 400 bilhões de litros de reserva.

Há pouco mais de um mês começaram a ser construídos canais e instaladas bombas para a retirada da água nas represas Atibainha, em Nazaré Paulista, e Jaguari/Jacareí, em Bragança Paulista. De acordo com a companhia, essa água será "suficiente" para abastecer a região até setembro.

 
Muito cuidado com o "volume morto"!

Para Sílvia Regina Gobbo, professora de ecologia da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), o tratamento de água usado atualmente não consegue resolver os problemas dos metais pesados que podem estar acumulados no fundo dos reservatórios.
"O tratamento tradicional não elimina a contaminação por metais pesados, que são provenientes de indústrias de celulose, tecidos, tintas, solventes. Quando não fazem o tratamento adequado, liberam na água metais como mercúrio, chumbo e cádmio", disse. 

 

 

 

De acordo com Maria Aparecida Marin Morales, especialista em toxicologia ambiental do campus Rio Claro da Unesp (Universidade Estadual Paulista), o volume morto exige um tratamento "mais delicado, sensível e com técnicas muito mais eficazes".
"Possivelmente, teria de se fazer um tratamento terciário da água, que é mais eficiente porque tira todos os contaminantes que estão na água, deixando-a mais isenta possível", disse.

 

 

 

Riscos à saúde

 

Na opinião do médico clínico Paulo Olzon, professor da Escola Paulista de Medicina da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), haverá sérios riscos para a saúde do consumidor caso o tratamento não elimine os metais pesados da água proveniente do volume morto.
O corpo humano, afirma Olzon, tem dificuldade para eliminar os metais. "A tendência é os metais pesados se depositarem nos tecidos do organismo". Eles se acumulam em pontos como os rins, o fígado, o coração e o cérebro, e alteram as células e causam inflamações crônicas. 

Segundo ele, os metais pesados podem, por exemplo, provocar insuficiência renal, desequilibrar o sistema nervoso central, causar depressão ou aumentar a agressividade. E possuem "efeito de massa" quando há a presença de mais de um no organismo. "Um elemento aumenta a toxicidade do outro", diz Olzon.

Ainda de acordo com o clínico, há o risco de os metais provocarem câncer, sobretudo no aparelho digestivo.


Danos ao meio ambiente

No último dia 10, o superintendente de Regulação da ANA (Agência Nacional de Águas), Rodrigo Flecha, demonstrou preocupação com os riscos ambientais que podem ser causados pelo uso do volume morto.
Sílvia Regina Gobbo alerta que a utilização dessa água pode provocar o esgotamento das bacias hidrográficas do Piracicaba, Capivari e Jundiaí, já que as represas do Sistema Cantareira estão nas cabeceiras desses rios.
Maria Aparecida Marin Morales chama a atenção para mudanças que vão ocorrer no ecossistema dos reservatórios, que podem comprometer o sistema e levar anos para ser recuperado.
"Na represa, existem organismos biodegradadores que estão ali depurando, fazendo a limpeza do sistema, minimizando os impactos dos poluentes. Se você tira [essa água], os impactos serão acentuados. E para recuperar a qualidade e a quantidade desses organismos leva muitos anos. Não dá nem para estimar", disse.



Confira também:

As perguntas que não são feitas nas pesquisas eleitorais. Por Wanderley Guilherme dos Santos

Dr. Toicinho afirma que “se é do PSDB, tá liberado!”

Senador Álvaro Dias (PSDB) e o doleiro Alberto Youssef

Quando tucanos se reúnem, os interesses nacionais estão em risco

Medidas antipopulares de Aécio Neves, candidato do PSDB

#WikiLeaks PSDB quer privatizar a Petrobras e entregá-la aos Estados Unidos. Petrobras é do Brasil! #PSDBnuncamais

Justiça Bicuda 45 - Trensalão liberado!

Celular do PCC- Primeiro Comando do Capital

EXCLUSIVO - #DrToicinho: "PCC - Primeiro Comando do Capital preenche fichas de filiação ao #PSDB desde a fundação tucana."

Mercenários

Datafolha foi para a oficina de estatística, mas não passou no recall #DefeitoDeFabricação #Incorrigível

Datafolha tem alguma credibilidade?

O Datafolha e os humoristas

Código Fonte do Datafalha é desvendado

As perguntas que não são feitas nas pesquisas eleitorais. Por Wanderley Guilherme dos Santos



As perguntas que não são feitas nas pesquisas eleitorais
Por: Wanderley Guilherme dos Santos

Datafalha & Globope são subsedes do PSDB

Rompendo o tédio da rotina dos questionários elaborados pelos institutos de pesquisa, formulei seis perguntas cujos resultados me interessariam conhecer.

Pesquisas de opinião são orientadas, claro, e as eleitorais não constituem exceção. Se alguém deseja saber quem prefere maçã ou banana deve perguntar justamente isso, sem confundir o pesquisado com as opções de abacaxis e mangas. Muitas pesquisas eleitorais desorientam os entrevistados ao introduzir opções que nada mais são do que abacaxis e mangas, nomes de candidatos sabidamente estéreis no contexto eleitoral efetivo. Obtêm-se antes de tudo uma idéia da dispersão aleatória da preferência eleitoral, não as escolhas sólidas a aparecer com perguntas focadas no que está, de fato, em jogo.  Mas nada impede que se investigue se o freguês é mais afeito a frutas ácidas ou cremosas – um tanto mais geral e inespecífica do que a pergunta anterior.

Com maior ou menor generalidade o que importa é que há um mundo de interrogações adequadas ao conjunto das frutas, todas legítimas, respeitadas modestas regras de lógica. Simples, mas esquecido quando os institutos divulgam seus resultados, aceitos com sagrada intimidação. Na verdade, os mesmos tópicos das pesquisas podem ser investigados por inquéritos variados, nada havendo de interdito no terreno do mexerico.

Em pesquisas de opinião são fundamentais a representatividade da amostra dos pesquisados, a correção dos questionários e, concluindo, a leitura dos resultados. É intuitivo que em uma comunidade onde 99% são religiosos o inquérito não pode concentrar-se no 1% restante, exceto se o pesquisador estiver interessado justamente na opinião da extrema minoria de agnósticos que ali vivem. Isto respeitado, tudo bem quanto à representatividade dos números.

Mas a leitura dos resultados pode ser marota. Jogando uma moeda para o ar centenas de vezes, o número de experimentos em que ao cair a moeda mostrará a “cara” tende a ser o mesmo número de “coroas”. Ignorando quando e porque acontece uma ou outra coisa, deduz-se que a probabilidade de dar “cara” ou “coroa” é de 50%, ou seja, metade das vezes uma, metade, a outra. Em certos convescotes essa peculiaridade é chamada de “acaso”.

Mas essa é uma probabilidade diferente da que indica o futuro do clima, por exemplo. As chances de que chova nas próximas 48 horas não é derivada diretamente de uma série de 48 horas do passado, mas das condições em que milhares de 48 horas foram chuvosas: umidade do ar, regime de ventos, formação de nuvens, etc. explicam com relativo grau de precisão (a probabilidade) as variações climáticas. O que justifica o probabilismo é o conhecimento das particularidades associadas ao aparecimento do fenômeno “chuva”, não o mero fato de sua repetição.

Pois a probabilidade derivada de uma série de pesquisas eleitorais é análoga à do jogo “cara” ou “coroa”, não à dos prognósticos atmosféricos. De onde se segue serem um tanto marotas as previsões de resultados eleitorais apoiadas em séries históricas, por mais extensas que sejam. A diferença é ontológica: uma eleição não é um jogo de “cara” ou “coroa”. A seguir, uma crítica, digamos, construtiva. 

Rompendo o tédio da rotina dos questionários elaborados pelos institutos de pesquisa, formulei seis perguntas cujos resultados me interessariam conhecer. Aí vão:

1 – o Sr(a) prefere:
    a) continuar com a presidenta atual (Dilma Roussef)
    b) voltar ao governo do PSDB (Aécio Neves)
    c) indiferente

2 – o Sr(a) votaria em alguém que:
       a) defende a manutenção do emprego de quem trabalha
       b) promete medidas impopulares
       c) indiferente

3) – o Sr(a) apóia o controle nacional do petróleo do pré-sal?
        a) sim
        b) não
        c) indiferente

4) - A oposição atual representa seu ideal de governo?
     a) sim
     b) não
     c) indiferente

5) Em relação à distribuição de renda o Sr.(a) é:
     a) a favor
     b) contra
     c) indiferente

6) Os atrasos na conclusão de aeroportos e estádios demonstram que:
     a) a iniciativa privada não é confiável
     b) há sempre imprevistos em grandes obras
     c) indiferente


Escolhi agregar todos os votos “não sei/prefiro não responder”, brancos e nulos em uma única opção porque estou interessado somente nas escolhas claras. E indiquei o nome de dois candidatos na pergunta 1 porque este é o desenho do questionário e, conforme o manual da boa pesquisa, o entrevistado deve estar de posse das informações relevantes para responder corretamente. Naturalmente, os entrevistados com preferência por outros nomes ou por nenhum estariam representados na resposta c.

O diabo é que ninguém acredita que os questionários dos institutos são apenas uma aproximação do que os eleitores perguntam a si mesmos, na hora do vamos ver. Por isso suas pesquisas ao final de uma corrida eleitoral se tornam mais diretas e econômicas, reduzindo o percentual de erro. Ainda assim, por vezes o palpite estatístico é desastrosamente equivocado. É quando o instituto, ao contrário de tentar replicar o que pensa o eleitor, busca fazer com que o eleitor pense como ele. Não dá certo.




Confira também:

Dr. Toicinho afirma que “se é do PSDB, tá liberado!”

Senador Álvaro Dias (PSDB) e o doleiro Alberto Youssef

Quando tucanos se reúnem, os interesses nacionais estão em risco

Medidas antipopulares de Aécio Neves, candidato do PSDB

#WikiLeaks PSDB quer privatizar a Petrobras e entregá-la aos Estados Unidos. Petrobras é do Brasil! #PSDBnuncamais

Justiça Bicuda 45 - Trensalão liberado!

Celular do PCC- Primeiro Comando do Capital

EXCLUSIVO - #DrToicinho: "PCC - Primeiro Comando do Capital preenche fichas de filiação ao #PSDB desde a fundação tucana."

Mercenários
http://agenorbevilacquasobrinho.blogspot.com.br/2011/08/mercenarios.html

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Dr. Toicinho afirma que “se é do PSDB, tá liberado!”




Dr. Toicinho afirma que “se é do PSDB, tá liberado!”


Dr. Toicinho manifestou sua satisfação pelo fato de a Suprema Corte e
uma série de outras instâncias de poder estarem às ordens sob seus cascos.


Dr. Matusalém Toicinho, CEO do PIG de 1500 a 1938, e Dr. Toicinho, CEO do PIG desde 1939, sempre engajados com os reacionários e conservadores, afirmaram numa reunião reservada do PCC – Primeiro Comando do Capital que a quarta derrota consecutiva de demotucanos à presidência é irreversível.


Entretanto, apesar do clima de consternação reinante entre os bilionários diante de tal perspectiva, o Dr. Toicinho asseverou que fará todo barulho possível em suas publicações, rádios e TVs em torno de factoides sobre o fim do mundo, o apocalipse e outras táticas que já se revelaram inúteis, mas que recebem aplausos delirantes do PIG – Partido da Imprensa Golpista.


No intuito de demonstrar seu poder de influência, o Dr. Toicinho manifestou sua satisfação pelo fato de a Suprema Corte e uma série de outras instâncias de poder estarem às ordens sob seus cascos.


Autodenominando-se “magnânimo”, convidou um deputado a transferir-se para o PSDB para ser poupado pela artilharia do PIG.


Acompanhe, a seguir, este trecho da longa reunião:

“Somos isentos, independentes, imparciais e sem rabo preso.”

“Se o Dep. André Vargas (PT-PR) se filiar ao PSDB, nós esqueceremos a viagem no jato do doleiro Alberto Youssef.”

“Você já ouviu, leu ou viu no PIG sobre as dezenas de viagens do Sen. Álvaro Dias (PSDB-PR) em jatos do doleiro Alberto Youssef?”

“Garantimos que jamais um tucano será julgado no STF ou em quaisquer lugares.”

“Privataria Tucana, PetroBrax, Trensalão, máfia dos sanguessugas, máfia das ambulâncias, compra de votos para a reeleição, avião de doleiro, avião de bicheiro, superfaturamento, indústria do pedágio, procurador que engaveta, procurador que troca de gaveta, falta de luz, falta de água etc.”

"É tucano? É protegido! Tá liberado!”



Confira também:

Senador Álvaro Dias (PSDB) e o doleiro Alberto Youssef

Quando tucanos se reúnem, os interesses nacionais estão em risco

Medidas antipopulares de Aécio Neves, candidato do PSDB

#WikiLeaks PSDB quer privatizar a Petrobras e entregá-la aos Estados Unidos. Petrobras é do Brasil! #PSDBnuncamais

Justiça Bicuda 45 - Trensalão liberado!

Celular do PCC- Primeiro Comando do Capital

EXCLUSIVO - #DrToicinho: "PCC - Primeiro Comando do Capital preenche fichas de filiação ao #PSDB desde a fundação tucana."


Mercenários