quinta-feira, 10 de outubro de 2013

1964 Um Golpe Contra o Brasil Documentário de Alípio Freire COMPLETO




1964 Um Golpe Contra o Brasil

Documentário de Alípio Freire 
COMPLETO

A mídia golpista



"1964 - Um golpe contra o Brasil", de Alipio Freire.
O filme é uma realização do Núcleo de Preservação da Memória Política e da TVT - TV dos Trabalhadores, com apoio do Memorial da Resistência de São Paulo e da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

Filme abre caminho para a memória dos 50 anos do golpe militar
Por Igor Carvalho
O baiano Alípio Freire foi preso político entre 1969 e 1974, passou passou pelos piores corredores do aparelho militar, a Operação Bandeirantes (Oban) e o Departamento de Ordem Política e Social (Dops). É com a experiência de quem viveu de perto os anos de chumbo, que Alípio lança seu documentário "1964 -- Um golpe contra o brasil", no próximo sábado (2), às 14h, no Memorial da Resistência de São Paulo.
O filme foi construído a partir dos depoimentos de militantes que atuaram contra a Ditadura Militar no Brasil. Almino Affonso, à época deputado federal e ministro do Trabalho do governo Jango, Rafael Martinelli, dirigente do Comando Geral dos Trabalhadores (CGT), a socióloga Maria Victoria Benevides, o médico Reinaldo Murano, o então presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes), Aldo Arantes, e o coordenador nacional do MST, João Pedro Stedile, estão entre os personagens ouvidos.
O documentário se antecipa aos 50 anos do golpe, em 2014, e se torna o primeiro registro informativo, se propondo a refletir o período meio século depois. A atuação americana em favor dos golpistas e as tentativas anteriores, frustradas, de derrubar Jânio Quadros são alguns dos temas abordados. Para Alípio Freire, o filme é importante para que "os estudantes, trabalhadores e trabalhadoras mais jovens possam conhecer melhor nossa história e formarem a sua própria opinião".
Após a exibição do documentário, o diretor Alípio Freire participará de um debate com o público. O filme é uma produção do Núcleo de Preservação da Memória Política e da TVT -- Televisão dos Trabalhadores, com apoio do Memorial da Resistência de São Paulo e da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.
Fonte: http://revistaforum.com.br/spressosp/...



Participe da Enquete (no alto, à direita):


Jornais que apoiaram a ditadura militar de 1964, emprestando seus carros para que vítimas do regime fossem levados ao DOI-Codi, onde seriam torturados, devem ser punidos?

Seus donos devem prestar contas à Comissão da Verdade?




Confira também:

A direita brasileira, patrocinadora do golpe de 1964 e de suas mazelas, deve indenizar o povo. PIG, pague por seus crimes!

Salmo da Rede Globo: do golpe de 1964 até sempre. O golpe é o meu guia, nada me faltará

Golpe de 1964 - O apoio da Rede Globo, da Folha de São Paulo, do Estadão (PIG)

Relações da Folha de S. Paulo com o regime militar

Profetas do PIG não escondem torcida contra o Brasil e afirmam que o fim está próximo

Dos quintos dos infernos, Hitler se declara contrário ao programa Mais Médicos

Obrigado, Médicos(as) cubanos(as)! Sejam bem-vindos(as)!

O preço do silêncio - Bolsa PIG - Dinheiro público paga manchetes favoráveis

Marina Silva: Rede Escorpião de (Auto)Sustentabilidade

O coração e o cérebro da corrupção. Perguntas da terça-feira que cabem todos os dias

Banco Central deve desmamar rentistas


Nenhum comentário:

Postar um comentário