sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Dr. Toicinho, em sua juventude, ouvindo os clamores da TFP


Dr. Toicinho, em sua juventude, ouvindo os clamores da TFP


#DrToicinho, em sua juventude, ouvindo os clamores da TFP.


Não se deve desperdiçar a juventude ouvindo bobagens.

Ainda mais consumir a vida toda com o catecismo da TFP.

Psicanalistas e psiquiatras entraram em acordo e diagnosticaram os problemas do Dr. Toicinho, CEO do PIG desde 1939.

Segundo esses especialistas, as dificuldades começaram em tenra infância, quando o pai do Dr. Toicinho obrigava o filho a repetir a saudação nazista.

Como o rapaz demonstrou simpatia imediata pelo Führer e seus trejeitos macabros, o pai lhe apresentou de chofre a versão tropical de camisas encardidas, o Anauê.

Em função do contágio familiar, não se poderia esperar outro comportamento da criatura que, ainda nas fraldas, acompanhava o pai nas inúmeras tentativas de golpes de Estado.

O destino é, em parte, traçado na infância.

Algumas vezes podemos desviar o curso das coisas.

Mas as convicções bonifascistas do Dr. Toicinho ninguém tira.

Seus afilhados que o digam.

Até mesmo uma editora situada na Avenida Marginal (muita coincidência!) tomou para si a missão de derrubar governos que não lhe apetecem.

Por outro lado, a Tea Party tupiniquim tem imensa bondade com os governos passados que preencheram extensa folha corrida para homenagear as demandas piguianas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário