terça-feira, 25 de janeiro de 2011

As dores nunca podem exceder nossas esperanças







As dores nunca podem exceder nossas esperanças



Os sacripantas tentam

Os déspotas decretam

Os sanguinários praticam atrocidades

Os pilantras se reúnem

Os magnatas dão golpes nas Bolsas e nos bolsos



Mas nós devemos sempre reagir e lutar contra eles

Porque as dores nunca podem exceder nossas esperanças

As rugas não podem deter nosso movimento

As energias serão redobradas

A alegria e o prazer devem triunfar.




Nenhum comentário:

Postar um comentário